Eslovênia registra aumento de visitas de americanos graças a Melania Trump

1 fev 2017
10h46
  • separator
  • comentários

Segunda primeira-dama estrangeira da história dos Estados Unidos, Melania Trump fez crescer o número de turistas americanos que viajam ao país onde ela nasceu, a Eslovênia, curiosos por conhecer mais sobre as origens da esposa do presidente Donald Trump.

Só em dezembro, as chegadas de turistas americanos à Eslovênia cresceram 7,8%. E as pernoites dessas pessoas subiram 15,4%, informou o Escritório de Turismo da Eslovênia.

"O fato de a primeira-dama dos EUA ter nascido na Eslovênia representa uma grande oportunidade para nosso turismo. O reconhecimento do país no mundo cresceu imensamente desde que Donald Trump anunciou sua candidatura", afirmou em entrevista à Agência Efe um porta-voz do órgão.

Melanija Knavs nasceu em 1970 e foi criada em Sevnica, uma pequena cidade industrial no leste do país, na época parte da Iugoslávia comunista. Depois, estudou em uma escola de ensino médio em Liubliana, capital do país, onde começou a carreira de modelo.

Em 1996, Melania se mudou para os Estados Unidos, e se naturalizou americana em 2006, um ano após se casar com Trump.

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade