Torreón

Siga a marca:

Teatro em Torreón concentra a arte da região de Coahuila

0comentários
07h00 atualizado às 07h00
Publicidade
O Teatro Isauro Martínez passou um tempo no esquecimento e hoje concentra a produção artística nessa parte do norte do México
O Teatro Isauro Martínez passou um tempo no esquecimento e hoje concentra a produção artística nessa parte do norte do México
Foto: Erick Alvarado/ travelerosmx

Construído em 1930, o Teatro Isauro Martínez é uma das casas de espetáculo mais belas do norte do México e o principal centro cultural da região de Coahuila, onde fica Torreón. O prédio, construído em estilo neoclássico, chama atenção pelas colunas e vitrais. No começo, o local abrigava não só o teatro, mas também um cinema. A partir de 1945, quando foi comprado pelo empresário  William Jenkins, passou a funcionar exclusivamente como sala de projeção e o prédio foi caindo no esquecimento ao longo dos anos.

A decadência chegou a tal ponto que, em 1975, começou a circular pela cidade o boato de que o Cine Martínez, como era conhecido, seria demolido. Nesse momento, estudantes da unidade de Torreón da Universidade Autônoma de Coahuila saíram em defesa do monumento e propuseram que o governo comprasse o teatro para preservá-lo, dado o valor arquitetônico e histórico da construção.

A mobilização deu certo e, em 1979, o teatro passou a fazer parte do Instituto Nacional de Belas Artes. No ano seguinte, o prédio começou a ser restaurado como parte das comemorações de seu cinquentenário. Em 1982, a reforma foi concluída e o teatro, reaberto ao público.

Com a nova fase, o Teatro Isauro Martínez estimulou o florescimento artístico da região. Atualmente conta com áreas anexas, que abrigam uma galeria de arte – a Galeria Contemporânea do Teatro Isauro Martínez – e salas de aula. Além disso, o teatro recebe todos os anos o Festival Internacional do Piano. Com as mudanças, a direção espera que Torreón entre no circuito das capitais culturais do mundo.

A ideia é aproveitar os espaços do teatro e da galeria para despertar o interesse da população pela arte e fazer com que assistir espetáculos ou visitar exposições no local se tornem passeios cotidianos dos moradores de Torreón. Aliás, o objetivo não é só formar consumidores, mas também produtores de cultura. Para isso, a direção do teatro oferece oficinas de pintura, dança e música para a comunidade local.

Além das exposições temporárias, a galeria mantém uma mostra permanente do trabalho de Oliverio Hinojosa, um importante artista plástico da região de Coahuila conhecido por suas gravuras em metal e esculturas que vão desde representações figurativas até obras mais abstratas.

Fonte: PrimaPagina Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade