0

Santiago

Conheça o principal museu sobre a história do Chile

  • separator
  • 0
  • comentários

Quando visitar Santiago, não deixe de conhecer o Museu Histórico Nacional, um dos mais atraentes do Chile. Localizado na Plaza de Armas, próximo a Catedral Metropolitana, a instituição abriga a mais rica história do país desde a época pré-hispânica até a década de 1970.

O Museu Histórico Nacional (esq.) apresenta o principal acervo sobre a história do país; ao lado, edifício da prefeitura de Santiago e estátua de Pedro de Valdívia
O Museu Histórico Nacional (esq.) apresenta o principal acervo sobre a história do país; ao lado, edifício da prefeitura de Santiago e estátua de Pedro de Valdívia
Foto: Márcio Cabral de Moura/Creative Commons

Antes de virar museu, o prédio foi sede do Congresso Nacional, em 1811. Um ano mais tarde, transformou-se na casa do governo revolucionário, entre 1812 e 1814. Foi declarado Monumento Nacional no dia 1º de dezembro de 1969, quando passou a abrigar as coleções históricas patrimoniais.

Entre térreo e primeiro andar, o museu tem diferentes exposições em 18 ambientes. Há salas específicas que contam a história dos primeiros habitantes do país (representada pela cultura inca, arica, aymara, atacameña, rapanui); do descobrimento e da conquista espanhola; do fim do império (onde está a carruagem de Casimiro marco del Pont, último governante espanhol do Chile); da recomposição da ordem (um dos quadros retrata a renúncia do primeiro chefe de estado do Chile, o militar Bernardo O’Higgins, que renunciou voluntariamente para evitar uma guerra civil).

A instituição ainda abriga outras 11 coleções. Elas variam entre livros raros e documentos escritos por personagens ilustres do Chile, como o ativista da independência José Miguel Carrera. Além disso, estão disponíveis 70 mil imagens de fotógrafos chilenos do século 19 e 20, pinturas como “A Batalha de Maipú” (quadro solicitado pelo presidente Joaquín Prieto), dentre outras.

É importante ressaltar que não é permitido entrar com bolsas ou mochilas. Na recepção há uma série de armários que podem ser alugados para guardar os pertences. Fotos também são proibidas, mesmo sem o uso de flash.

Serviço

Museu Histórico Nacional
Plaza de Armas, 951, centro
Tel.: 00xx 56 2 2411.7010
De terça a domingo, das 10h às 18h
Entrada: R$ 2,50
Grátis aos domingos

 

Fonte: PrimaPagina Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade