0

Tubarões: conheça as praias com ataques mais frequentes

  • separator
  • comentários

Férias em uma praia paradisíaca podem virar o pior pesadelo pelo ataque de um tubarão, como aconteceu com a turista paulista Bruna da Silva Gobbi, de 18 anos, que morreu no Recife na última semana. Diversos cartazes espalhados pelas areias da praia de Boa Viagem, a mais frequentada da capital pernambucana, avisam sobre o perigo ligado à presença de tubarões. No entanto, turistas desavisados ainda sofrem ataques. Por isso, é bom conferir diferentes lugares ao redor do mundo onde é melhor evitar o mergulho.

<p>O litoral do Recife é o ponto que mais sofre de ataques de tubarão em toda a América do Sul</p>
O litoral do Recife é o ponto que mais sofre de ataques de tubarão em toda a América do Sul
Foto: @raulds / Flickr

Boa Viagem, Brasil
O litoral do Recife é o ponto que mais sofre de ataques de tubarão em toda a América do Sul. Uma das praias mais perigosas é também uma das mais frequentadas: trata-se da praia de Boa Viagem, onde diversos cartazes indicam aos turistas a presença destes animais. As espécies mais encontradas são os tubarões cabeça chata e tubarões-tigre.

New Smyrna Beach, Estados Unidos
Os tubarões cabeça-chata que infestam as águas de New Smyrna Beach fizeram desta região no nordeste da Flórida o local com o maior número de ataques por ano. Situada no condado de Volusia, a praia nunca registrou mortes por ataque de tubarão, apenas ferimentos.          

Sharm el Sheikh, Egito
A cidade de Sharm el-Sheikh é o principal destino turístico no litoral egípcio. Visitantes do mundo inteiro prestigiam a região para mergulhar em águas cristalinas e ideais para mergulho. Entre a grande biodiversidade local encontra-se também a presença de tubarões, responsáveis por alguns ataques nos últimos anos.

Coffin Bay, Austrália
Ataques de tubarão são frequentes no extenso litoral da Austrália. Apesar de ter praias paradisíacas, a área de Coffin Bay, no sul do país, tem altos índices de ataques e não é nada recomendada para quem quer dar um mergulho sem perigo.

Califórnia, Estados Unidos
O litoral norte da Califórnia é bastante frequentado por tubarões de diversas espécies. Uma centena de ataques foram registrados na história e os tubarões são avistados com frequencia em pontos como a cidade de Santa Cruz e a praia de Surf Beach.

Fish Hoek Beach, África do Sul
As águas que rodeiam a Cidade do Cabo são conhecidas por sua grande quantidade de tubarões, entre eles  temido tubarão-branco. Com cerca de 1,5 quilômetro de extensão, a praia de Fish Hoek Beach é uma das mais perigosas da região, com frequentes ataques de tubarões a surfistas e banhistas.

Topsail Island, Estados Unidos
Situada no litoral do estado da Carolina do Norte, a Topsail  Island é um dos locais com mais tubarões no litoral leste dos Estados Unidos. A ilha tem cerca de 50 quilômetros de praias, que são muito procuradas por turistas durante o verão apesar da presença de tubarões-martelo e tubarões-tigre.

Lyman Beach, Havaí
O Havaí tem belas praias, uma linda natureza e ondas perfeitas, mas também o perigo de encontrar tubarões. Nos últimos anos, a praia de Lyman Beach da ilha de Big Island foi palco de diversos ataques de tubarões-tigre, espécie mais encontrada no arquipélago.

Cancun, México
Cancun é um destino conhecido pela beleza de suas praias e pelo agito de suas baladas. Mas, as águas cristalinas deste trecho do Caribe mexicano também registram ocasionais ataques do predador.

Dyer Island, África do Sul
A ilha de Dyer Island, na África do Sul, é conhecida como “Meca dos tubarões-brancos”. Os perigosos animais são atraídos pela presença de pinguins e focas, e são facilmente avistados em mergulhos com jaulas.

&amp;amp;amp;lt;a data-cke-saved-href=&amp;amp;quot;http://www.terra.com.br/noticias/infograficos/ataques-de-tubarao/ &amp;amp;quot; href=&amp;amp;quot;http://www.terra.com.br/noticias/infograficos/ataques-de-tubarao/ &amp;amp;quot;&amp;amp;amp;gt; Ataques de tubar&amp;amp;atilde;o - veja o infogr&amp;amp;aacute;fico &amp;amp;amp;lt;/a&amp;amp;amp;gt;

Second Beach, África do Sul
Situada no encontro do rio Umzivubu com o Oceano Atlântico, a cidade Second Beach tem um lindo visual de muita natureza em suas praias e arredores. Mas a área é famosa por ser uma das mais perigosas da África do Sul quanto a ataques de tubarões. A praia de Second Beach tem as piores estatísticas, com diversos ataques mortais, o mais recente deles no começo de 2012.

Bolinas Beach, Estados Unidos
Situada ao norte de San Francisco, Bolinas Beach tem ótimas ondas para os surfistas, mas oferece o perigo de encontrar com os perigosos tubarões-brancos. Para evitar ataques, o melhor coisa a se fazer é curtir o visual de fora d'água e dar um mergulho em áreas mais tranquilas.

Bondi Beach, Austrália
A praia de Bondi Beach é um popular ponto de encontro na cidade australiana de Sydney. Após 80 anos sem ataques, um surfista teve seu braço dilacerado por um tubarão-branco em 2010.  Apesar da raridade dos incidentes, é bastante normal avistar os animais no local.

West End, Bahamas
O Caribe tem praias paradisíacas que se encontram entre as melhores do planeta, mas também oferecem certos perigos a seus visitantes. Apesar dos raros ataques, Bahamas tem uma abundante presença de tubarões, como tubarão-martelo e tubarão cabeça-chata. A área de West End, na ilha de Grand Bahama, é conhecida pelos mergulhadores e os numerosos tubarões-tigre.

Kahana, Havaí
Protegida por um recife, Kahana é uma bela praia do noroeste da ilha havaiana de Maui.  Sem um histórico de ataques mortais de tubarão, a praia ficou fechada por alguns dias em junho deste ano depois que uma adolescente foi mordida por um tubarão-tigre enquanto brincava na água.

Ilha da Reunião
A ilha da Reunião é um território francês situado no Oceano Índico, ao largo de Madagascar. A ilha é um tradicional destino de férias com praias paradisíacas e natureza abundante, mas está vendo o número de ataques de tubarão crescer, preocupando suas autoridades. No último ano, três surfistas perderam a vida após serem mordidos por tubarões em praias da Reunião.

Gansbaai, África do Sul
Cidade do litoral da África do Sul, Gansbaai é conhecida pela densidade de sua população de tubarões-brancos. Os visitantes aproveitam para mergulhar em jaulas e ficar frente a frente com os animais, mas evitam ao máximo entrar na água sem proteção, já que existe um amplo registro de ataques a humanos.

North Shore, Havaí
A região central do litoral norte da ilha de Oahu, conhecida como North Shore, atrai numerosos surfistas por suas enormes ondas. Mas este trecho da costa havaiana é também conhecido pela frequência de seus ataques de tubarão. O incidente mais recente ocorreu em abril deste ano, quando um surfista foi ferido sem gravidade por um tubarão-tigre.

Gold Coast, Austrália
O oeste da Austrália é reputado como um dos lugares mais perigosos do mundo quanto à presença de tubarões. A 100 km de Brisbane, a cidade de Gold Coast tem belas praias e recebe numerosos surfistas, principais vítimas dos ataques de tubarão na região.

Kosi Bay, África do Sul
Perto da fronteira entre a África do Sul e o Moçambique, a área de Kosi Bay faz parte de uma reserva natural onde quatro lagos interligados desembocam no mar. No oceano, Kosi Bay tem uma forte concentração de tubarões cabeça-chata, especialmente agressivos nesta área.

Naama Bay, Egito
O litoral egípcio do Mar Vermelho é um destino muito apreciado por mergulhadores, com inúmeros corais e peixes coloridos. Em 2010, uma série de ataques de tubarões a turistas perto de Sharm el Sheikh chamou a atenção do mundo, advertindo sobre os riscos de nadar na região. Um dos ataques ocorreu em Naama Bay, um dos locais que reúne o maior número de tubarões.

Fonte: Andrés Bruzzone Comunicação Andrés Bruzzone Comunicação

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade