Praia

publicidade

Conheça 20 ilhas perfeitas para largar tudo e ir morar lá

A menos de 300 km de Miami, Nassau, capital das Bahamas, é uma cidade vibrante, com atividades para todas as idades
Foto: Bahamas Tourism

Quem nunca pensou em largar tudo e ir morar numa ilha? Sonhar não custa nada e por isso a revista americana Islands (“ilhas”, em inglês) criou uma lista com as vinte melhores para se morar. Confira e comece a planejar seu futuro.

1. Big Island, Estados Unidos: o  Havaí tem sol o ano inteiro, praias e um ambiente especial e bem relaxado. Para viver longe do grande turismo de ilhas mais desenvolvidas, como Maui e Oahu, Big Island é o lugar indicado, com muita natureza e um ritmo tranqüilo em Hilo, sua principal cidade. Os habitantes vivem em sintonia com a natureza desta imponente ilha vulcânica, com  praias, rios e muita vegetação.

2. Bahamas: viver nas Bahamas é viver numa das mais belas ilhas do Caribe, com praias paradisíacas e uma comunidade cosmopolita, formada por habitantes locais e pessoas de nacionalidades variadas. A menos de 300 km de Miami, Nassau, capital das Bahamas, é uma cidade vibrante, com atividades para todas as idades.

3. Filipinas: as Filipinas são um país formado por mais de 7 mil ilhas, das quais apenas 2 mil estão habitadas. A capital, Manila, tem aluguéis acessíveis e é um ótimo ponto de partida para percorrer o país com destinos paradisíacos como as ilhas de Boracay e Palawan.

4. Roatán, Honduras: ao largo do litoral de Honduras, a ilha de Roatán tem belas praias caribenhas e pouco turismo em sua superfície de 125 km². Uma pequena população estrangeira, formada principalmente por americanos, vive na ilha e aproveita seus dias ensolarados  e sua natureza para mergulhar em águas cristalinas e relaxar em areias brancas.

5. Indonésia: paraíso de surfistas e aventureiros, a Indonésia é um grande arquipélago asiático formado por mais de 17 mil ilhas. Muitas delas, como Lombok e Bali, têm um desenvolvimento ideal para uma vida de sonhos, aproveitando a natureza e as riquezas da cultura local.

6. Nova Zelândia: a Nova Zelândia tem uma ótima qualidade de vida em grandes cidades modernas como Auckland e Wellington, além de montanhas, lagos, fiordes e muitas outras maravilhas naturais. O país da Oceania também tem ótimos vinhos e é conhecido por ser o país dos esportes radicais, mas com opções para aqueles que querem tranqüilidade ou adrenalina.

7. Maui, Havaí: viver em Maui é uma boa chance de criar seus filhos numa cultura diferente, em sintonia com a natureza, mas mantendo o conforto das grandes cidades americanas. Surfe nas praias míticas do Havaí, trilhas e mergulho são algumas das atividades que fazem da vida em Maui, segunda maior ilha do arquipélago, uma experiência especial e única.

8. Whidbey, Estados Unidos: a 50 km de Seattle, no  litoral do estado de Washington, a ilha de Whidbey tem belas paisagens rurais frente ao mar e muita tranqüilidade na charmosa cidadezinha de Coupeville. Bela paisagens acompanhadas de vinhos e frutos do mar da região garantem um dia a dia agradável para aqueles que escolhem Whidbey como destino para viver.

9. Turcas e Caícos: morar nas Turcas e Caícos, um dos arquipélagos mais exclusivos do Caribe, tem o seu preço. Mas cada centavo vale na hora de acordar todos os dias e aproveitar algumas das praias mais paradisíacas do planeta. A maioria dos habitantes (locais e estrangeiros) vive na ilha de Providenciales, na cidade homônima, capital do país.

10. Palau: para quem realmente quer fugir do mundo moderno, o arquipélago de Palau, a 800 km das Filipinas, é o destino perfeito. Apesar da maioria dos habitantes falar inglês e a moeda oficial ser o dólar americano, a ilha vive a seu próprio ritmo e com muito apego à cultura local. Koror, capital do país, tem 11 mil habitantes e  praias incríveis, assim como as outras 250 ilhas.

11. Maiorca, Espanha: muito sol durante boa parte do ano e belas praias fizeram da ilha de Maiorca um destino muito popular entre habitantes de países, como Inglaterra e Alemanha, para relaxar durante sua aposentadoria. A maior das ilhas Baleares permite a seus novos habitantes aproveitar dias ensolarados e a deliciosa gastronomia espanhola frente às águas do Mediterrâneo.

12. Anguila: território britânico do Caribe, Anguila tem uma das populações mais felizes e longevas do planeta. E cada vez mais estrangeiros procuram um jeito de compartilhar as alegrias de viver em sua capital, The Valley, com apenas 1.200 habitantes e acesso a praias incríveis.

13. Vanuatu: país da Oceania, composto por mais de 80 ilhas, Vanuatu é um paraíso terrestre  com praias, vulcões e arrecifes com águas cristalinas como principais atrações. Os membros da  pequena comunidade estrangeira, que vive em Port Vila, maior cidade do arquipélago, podem aproveitar cafés e restaurantes quando não estão curtindo as maravilhas naturais de Vanuatu.

14. Ambergris Caye, Belize: Ilha do litoral do Belize, Ambergris Caye é um destino sonhado para mergulhadores, por ter a segunda maior barreira de coral do planeta. Os habitantes de San Pedro,  principal cidade da ilha, vivem a um ritmo relaxado, se locomovendo a pé ou de bicicleta. A cidade é acolhedora e os estrangeiros sentem-se à vontade para curtir sua  divertida vida noturna.

15. Tonga: arquipélago formado por mais de 170 ilhas na Polinésia, o reino de Tonga tem uma infinidade de praias preservadas e remotas. Para descobrir e aproveitar este paraíso, alguns estrangeiros apostam em se mudar para Tonga, principalmente no grupo de ilhas de Vava’u, em casas frente ao mar. Além de belezas naturais e muito sol, Tonga tem também uma das populações mais amigáveis do mundo, que fazem os visitantes se sentir como em casa.

16. Fiji: a meio caminho entre a Polinésia Francesa e a Austrália, o arquipélago de Fiji é composto por mais de 300 ilhas e ilhotas paradisíacas e preservadas, com uma natureza abundante e lindas praias. A ilha de Taveuni tem uma comunidade de estrangeiros crescente, que aproveita a curta distância desde a ilha de Viti Levu, principal do arquipélago, além das escolas de fala inglesa.

17. Penang, Malásia: situada no litoral noroeste da Malásia, a ilha de Penang reúne tradição e modernidade, numa combinação perfeita para atrair habitantes estrangeiros. As praias complementam a beleza da ilha, fazendo dela um destino sob medida para passar dias relaxando sob o sol.

18. Hvar, Croácia: o litoral croata cresce a cada ano como um dos principais destinos do verão europeu. Com mais de 300 dias de sol por ano, monumentos e praias banhadas pelas água azuis do Adriático, a ilha de Hvar é uma das mais badaladas da Croácia, atraindo estrangeiros não só de férias, mas também para se instalar definitivamente.

19. Bocas del Toro, Panamá: pérola do Caribe panamenho,  Bocas del Toro é um maravilhoso arquipélago de seis ilhas e mais de 200 ilhotas banhadas por águas cristalinas. A comunidade de estrangeiros está crescendo e compartilha a atmosfera local, relaxada e em sintonia com a natureza.

20. Culebra, Puerto Rico: pequena ilha a 25 km do litoral leste de Puerto Rico, Culebra tem  uma população de 2.500 pessoas, com uma boa escola pública e a tranqüilidade e o sol do Caribe. A ligação entre Culebra e a cidade de San Juan, capital de Puerto Rico, com todos os confortos de uma grande cidade é feita num rápido trajeto de ferryboat.

Andrés Bruzzone Comunicação