Site lista 18 aeroportos estranhos; confira

Há aeroportos proibidos para pessoas impressionáveis: situados na beira de um abismo, ou com pistas curtíssimas vizinhas do mar ou de altas e escarpadas montanhas, exigem a máxima destreza do pilotos e toda a confiança dos passageiros.

Muitas vezes, as condições de um local onde se quer instalar um aeroporto estão longe de ser ótimas, mas, justamente por isso o resultado é surpreendente. E há também os aeroportos que nasceram em circunstâncias particulares. A revista americana Popular Mechanics selecionou alguns dos aeroportos mais extravagantes do planeta.

1. Aeroporto Internacional de Osaka, Japão No Japão
Espaço é um recurso escasso e soluções inovadoras precisam ser encontradas. Para poder construir um aeroporto em Osaka, engenheiros projetaram uma estrutura colossal. Uma ilha artificial de 4 km por 2,5 km conectada com o litoral de Osaka por uma ponte de 3 km funciona como o Aeroporto Internacional de Kansai, com duas pistas de decolagem e o maior terminal de passageiros do planeta.

2. Aeroporto de Gibraltar
Encravado entre a Espanha e o Marrocos, o pequeno território colonial britânico de Gibraltar tem um aeroporto que foi construído durante a Segunda Guerra Mundial e que ainda funciona tanto para vôos comerciais quanto para vôos militares. A grande particularidade do aeroporto de Gibraltar é sua pista que cruza com a avenida Winston Churchill, uma das mais movimentadas da ilha. Os carros são parados por cancelas enquanto os aviões decolam ou aterrissam.

3. Aeroporto Internacional da Madeira, Portugal
Situado a quase 1000 km de Lisboa, o arquipélago português da Madeira é formado por oito ilhas. A maior dela, a ilha da Madeira, é também onde está Funchal, capital do arquipélago conectada ao continente por um aeroporto que desafia até os pilotos mais experientes. Situadas sobre pilares, de maneira paralela entre o mar e as colinas, as pistas do aeroporto são ameaçadas pelas turbulências causadas pelos ventos vindos do mar.

4. Aeroporto Internacional de Bangkok, Tailândia
De longe, o Aeroporto Internacional de Bangkok, conhecido como Don Mueang, parece com qualquer outro aeroporto. Mas, olhando de mais perto, uma curiosidade faz deste um aeroporto único. Entre as duas pistas principais, um campo de golfe com dezoito buracos funciona como área de lazer para passageiros esperando para pegar seu voo.

5. Pista de Gelo da Base Mc Murdo, Antártida Aviões
C-17 carregados de passageiros aterrissam na ponta sul da ilha de Ross, na Antártida, para chegar à base americana de Mc Murdo. A pista é usada apenas durante a primavera, após os meses de inverno, quando o clima que impede os vôos, e antes que o gelo derrete durante os meses de verão, época na qual aviões usam pistas alternativas.

6. Aeroporto de Congonhas, São Paulo
Raros são os aeroportos que estão tão encravados dentro de uma cidade quanto o aeroporto de Congonhas está em São Paulo. Situado no bairro do Campo Belo, o aeroporto foi inaugurado em 1936 e viu a cidade crescer em sua volta. Avenidas e prédios em volta ameaçam a segurança dos vôos, e Congonhas conheceu uma tragédia em 2007, quando um avião saiu da pista e bateu num prédio.

7. Aeroporto de Courchevel, França
Courchevel é uma das estações de esqui mais badaladas dos Alpes franceses. A pista do aeroporto de Courchevel, com apenas 520 metros de comprimento que desembocam numa altura de mais de 2 000 metros, é uma das mais perigosas do planeta. Apesar de assustadoras, as decolagens e os pousos dão aos passageiros uma bela vista sobre os picos nevados da região.

8. Aeroporto Internacional Princess Juliana, Saint Martin
Situado perto de uma das muitas praias paradisíacas da ilha de Saint Martin, o Aeroporto Internacional Princess Juliana tem cenas que chamam a atenção. Sua pista curta, a poucos metros das areias brancas e das águas turquesa, faz com que aviões aterrissem e decolem passando muito perto dos banhistas. O barulho e o susto, claro, atrapalham os momentos de tranquilidade.

9. Aeroporto de Svalbard, Noruega
A meio caminho entre a Noruega continental e o Pólo Norte, a ilha de Spitzberg é a principal das que formam o arquipélago de Svalbard. O aeroporto de Svalbard, situado próximo à cida de de Longyearben, em Spitzberg, é o aeroporto comercial mais ao norte em todo o planeta, e tem vôos diários para as cidades de Oslo e Tromse.

10. Aeroporto de Saba, Antilhas Holandesas
Saba é uma pequena ilha das Antilhas holandesas, com boa parte de seus 13 km² cobertos por montanhas e casinhas onde moram seus 1 200 habitantes. A pista de aterrissagem do aeroporto Juan Yrausquin é extremamente curta, e está situada sobre uma ponta rochosa cercada por falésias. Apenas aviões de pequeno porte podem aterrissar na ilha, e a margem de erro é quase inexistente.

11. Aeroporto de Barra, Escócia
Situado na baía de Traigh Mor, no arquipélago das ilhas Hébridas, o aeroporto escocês da ilha de Barra tem a particularidade de ser um dos únicos aeroporto do planeta a operar sobre a areia de uma praia. Além de verificar as condições meteorólogicas, muito complicadas na região, os pilotos têm de verificar o estado das marés antes de decolar ou pousar.

12. Aeroporto Internacional de Hong Kong
Inaugurado em 1998, o Aeroporto Internacional de Hong Kong, conhecido como Chek Lap Kok, foi construído sobre uma ilha de 5 km². Desde então, recebeu numerosos prêmios de qualidade no conforto aos passageiros, com opções de lazer como campo de golfe, lojas, e simuladores esportivos.

13. Aeroporto Internacional Tocontin, Honduras
Próximo ao centro de Tegucigalpa, capital de Honduras, o Aeroporto Internacional Tocontin foi inaugurado em 1934. Desde então, o aeroporto sofreu diversas críticas e protagonizou acidentes, por sua pista curta e cercada por montanhas, que causam muitas dificuldades aos pilotos.

14. Aeroporto Qamdo Bangda, Tibete
Aeroporto mais alto do mundo, mais de 4 300 metros acima do nível do mar, o Aeroporto Qamdo Bangda, no leste do Tibete, detém também o recorde de pista de aterrissagem mais longa, com mais de 5 500 metros de comprimento. O tamanho da pista se deve à dificuldade maior para parar o avião em razão da altitude.

15. Aeroporto Internacional Rei Fahd, Dammam, Arábia Saudita
O Aeroporto Internacional Rei Fahd da cidade de Dammam, na Arábia Saudita, é o maior aeroporto do mundo em extensão, com cerca de 500 km². O aeroporto é tão imenso, que é 18 km² maior que o Bahrein, vizinho da Arábia Saudita.

16. Aeroporto Internacional de Denver, Estados Unidos
Apontado frequentemente como melhor dos Estados Unidos, o Aeroporto Internacional de Denver, no Estado americano do Colorado, é facilmente reconhecível por seu telhado ondulado. O aeroporto é coberto por uma capota elástica feita em tecido revestido por Teflon, e ganha um visual ainda mais diferente com as Montanhas Rochosas como pano de fundo.

17. Aeroporto Internacional de Macau
Antiga colônia portuguesa no litoral da China, o pequeno território de Macau tinha problemas para receber aviões de grande porte até 1995, quando seu Aeroporto Internacional foi inaugurado. A pista de aterrissagem, com mais de 3 300 metros de comprimento, foi instalada sobre uma faixa de terra adjacente à ilha de Taipa.

18. Aeroporto de Copalis, Washington, Estados Unidos
Situado no estado de Washington, no noroeste dos Estados Unidos, o aeroporto da praia de Copalis tem uma pista sobre a areia entre as montanhas e as águas do rio Copalis. Qualquer aterrissagem é arriscada, e os pilotos devem sobrevoar a pista várias vezes antes de pousar, para evitar objetos deixados pela maré.

Entre a Espanha e o Marrocos, o pequeno território colonial britânico de Gibraltar tem um aeroporto que foi construído durante a Segunda Guerra Mundial
Entre a Espanha e o Marrocos, o pequeno território colonial britânico de Gibraltar tem um aeroporto que foi construído durante a Segunda Guerra Mundial
Foto: Andrew Griffith / Divulgação
Fonte: Andrés Bruzzone Comunicação Andrés Bruzzone Comunicação
publicidade