Deslumbre-se com 20 das maiores construções, segundo revista

  • separator
  •  
  • comentários

Quem passeia por Dubai não consegue desviar os olhos do arranha-céu envidraçado Burj Khalifa, um dos prédios mais altos do mundo. Quando se trata de arquitetura, uma das principais tendências é o superlativo: procura-se sempre o mais, tanto em altura quanto em outros recordes.

Conheça alguns dos maiores prédios do mundo, como o Taj Mahal, maior mausoléu do planeta
Conheça alguns dos maiores prédios do mundo, como o Taj Mahal, maior mausoléu do planeta
Foto: Getty Images

Inspiradores, os maiores prédios do mundo se concentram na Ásia, mostrando que há uma espécie de competição entre os países para ver quem atinge o céu mais rapidamente. O conceito de sustentabilidade também tem sido aplicado nas construções gigantescas, muitas ainda em andamento, mas já com data de inauguração.

Por serem construções imponentes, os arranha-céus têm atraído cada vez mais a atenção de turistas de todo o mundo, tornando-se pontos turísticos importantes que ajudam a alimentar o segmento e entreter. A revista americana Travel+Leisure criou uma lista com os maiores prédios do mundo que valem a visitação. Confira.

Torre do relógio de Abraj Al-Bait, Mecca, Arábia Saudita: inaugurada em 2011, esta mega torre quebrou diversos recordes, sendo atualmente a maior torre de relógio do mundo, o maior hotel e o maior relógio. Ainda por cima é o segundo prédio mais alto do mundo, perdendo apenas para o Burj Khalifa de Dubai e sua estrutura é conectada à maior mesquita mundial, a Masjid al-Haram.

Cidade Solar, Dezhou, China: inaugurado em 2011, levou dois anos para ficar pronto e foi projetado para ser o maior prédio com energia solar do mundo, ocupando um espaço de 800 mil m². No local há um hotel com 180 apartamentos todos funcionando exclusivamente com energia limpa.

Khan Shatyr Tent, Astana, Casaquistão: o centro de entretenimento Khan Shatyr tem uma tenda transparente com teto de vidro de 150 m. Em seu interior há uma área equivalente a 10 estádios de futebol com parques, lojas, um clube de minigolfe, um rio e até uma praia artificiais com areia das Maldivas.

Earthscraper, Cidade do México, México: invertido, este prédio de 274,3 m tem 65 andares embaixo da terra e é coberto por vidro temperado. A construção foi projetada para ser ecologicamente correta e foi construída invertida para preservar a vista da cidade histórica de Cauhtémoc.

O Grande Museu Egípcio, Gizá, Egito: como um dos extremos da arquitetura, o museu que será inaugurado em 2013 faz parte de uma competição para chamar a atenção dos turistas. Recebeu investimento de US$ 550 milhões, fica numa área de 210 acres próximo às pirâmides e suas obras acontecem em um momento tenso da política local.

Basílica de Nossa Senhora da Paz, Yamoussoukro, Costa do Marfim: construída entre 1985 e 1989, ao custo de US$ 300 milhões, tem capacidade para receber até 18 mil pessoas. Esta basílica foi ainda ricamente decorada com mármore italiano e vitrais franceses.

Burj Khalifa, Dubai, Emirados Árabes: o maior prédio do mundo, com 828 m de altura, tem uma aparência agressiva, como uma arma de cristal a cortar o céu. No local há o hotel Armani, com 160 apartamentos e 144 residências vendidas por mais de US$ 3.500 o m².

Skipark 360°, Estocolmo, Suécia: a maior pista de ski indoor do mundo será inaugurada em 2015 neste resort geotérmico com sol, vento e força hídrica artificiais, que terá uma descida de 700 m, um túnel de 3,5 km e rinks de hockey, patinação, área para snowboarding e até um spa.

Boeing Everett Factory, Washington, EUA: a maior e mais produtiva fábrica do mundo fabrica Boeings e, por isso, precisa de um espaço muito grande de 472 milhões de pés cúbicos e recebe visitas diárias de nove minutos cada.

Prédio da assembleia de veículos, Cabo Canaveral, Flórida, EUA: decorada com uma imensa bandeira americana, o prédio ocupa uma área de oito acres e fica no Centro Espacial Kennedy, que já ajudou a realizar 135 missões espaciais. O local reabriu para visitações em novembro de 2011.

Rungrado May Day, Pyongyang, Coreia do Norte: o maior estádio do mundo fica em Pyongyang e tem capacidade para 150 mil pessoas, sendo usada em cerimônias políticas local. O local foi construído para receber o festival da juventude de 1989.

Taj Mahal, Agra, Índia: é o maior mausoléu do mundo, construído a mando do imperador Shah Jahan para sepultar sua terceira esposa, Mumtaz Mahal. Milhares de turistas visitam o local anualmente por sua bela arquitetura e por sua aura romântica, mesmo sendo um local de sepulcro.

Palácio do Parlamento, Bucareste, Romênia: com mais de 1.100 salas, 12 andares acima do nível do solo e outros tantos subterrâneos, o prédio ocupa uma área superior a 3.875 milhões de m², sendo o maior prédio de administração pública do mundo, sendo também o mais pesado, usando em sua estrutura aço, bronze, cristal, madeira e mármore.

Globo Ericsson, Estocolmo, Suécia: o maior prédio esférico do mundo tem capacidade para mais de 16 mil pessoas e é um espaço de shows, partidas de hockey e grandes eventos.

Caco de Vidro, Londres, Inglaterra: apelidada de 'caco de vidro', a construção de 72 andares será terminada em maio de 2012 e será o maior prédio da União Europeia e dará um toque moderno à clássica arquitetura do local.

Museu Nacional da China, Beijing, China: depois de triplicar seu espaço de exposições, o museu foi reaberto em abril de 2011, medindo 2,07 milhões de m² e capacidade para receber entre oito e dez milhões de visitantes por ano.

Kinepolis, Madri, Espanha: com 25 salas e capacidade para 9.200 pessoas, este cinema tem tecnologia 4D e foi inaugurado em 1998.

Macau Veneziano, Macau, China: esta colônia portuguesa administrada pela China ganha sua renda com as apostas e abriu seu primeiro cassino com estilo oriental em 2004 tem 167,640 m², três mil máquinas de apostas, 870 mesas de pôquer e pode ser comparada, em extensão, a 56 quadras de futebol.

Terminal 3, Aeroporto Internacional de Dubai, Dubai, Emirados Árabes: com 4,8 milhões de m², este terminal foi inaugurado em 2008 e é o maior terminal aeroviário do mundo.

Grande Buda Hall no Templo Todai-ji, Nara, Japão: parte do patrimônio mundial cultural da Unesco, este templo de madeira tem 56 m de comprimento por 50 m de largura, comportando ainda uma estátua de bronze de Buda com mais de 15 m de altura.

Terra

compartilhe

publicidade
publicidade