Vida e Estilo » Turismo » Turismo

 vc repórter: Fundição Progresso alia história e cultura no Rio
17 de dezembro de 2010 21h48

Comentários
 
Instalada em um prédio do fim do século 19, a Fundição é um dos principais endereços culturais cariocas. Foto: José Carlos Pereira de Carvalho/vc repórter

Instalada em um prédio do fim do século 19, a Fundição é um dos principais endereços culturais cariocas
Foto: José Carlos Pereira de Carvalho/vc repórter

Com uma história que remete ao fim do século 19, o prédio situado no número 24 da rua dos Arcos, na Lapa, reduto boêmio do Rio de Janeiro, abrigou a fábrica de fogões Progresso antes de ser a sede do centro cultural Fundação Progresso, um dos endereços mais importantes quando o assunto é a vida cultural carioca.

» Siga o vc repórter no Twitter
» Siga o Terra no Twitter
» vc repórter: mande fotos e notícias

Anos após o fechamento da fábrica, em 1976, o prédio, hoje tido como uma construção histórica, só não foi demolido por conta da intervenção de artistas e agitadores culturais que viviam e atuavam na região. Em 1987, o poder público concedeu o uso do espaço ao Circo Voador, vizinho da Fundição. Desde então, o local foi se consolidando entre os principais endereços culturais do Rio.

Atualmente, além de receber espetáculos de música e teatro, o espaço oferece cursos de música, dança, circo, teatro, vídeo e abriga o Núcleo de Educação e Cultura Fundição de Paz e Progresso (NEC). O núcleo é um projeto sociocultural que tem uma proposta de imersão artística voltada a alunos do ensino médio da rede pública.

Outro destaque da Fundição é o Concurso Nacional de Marchinhas Carnavalescas, que reúne cerca de 40 mil pessoas em suas edições.

O internauta José Carlos Pereira de Carvalho, do Rio de Janeiro (RJ), participou do vc repórter, canal de jornalismo participativo do Terra. Se você também quiser mandar fotos, textos ou vídeos, clique aqui.

vc repórter
vc repórter
 
 
 
Últimas »