Cruzeiros

Cruzeiros

publicidade
12 de novembro de 2012 • 15h15 • atualizado em 04 de Dezembro de 2012 às 09h11

Estilista dá dicas de como se vestir em um cruzeiro

Roupas leves e de tecidos que não amassam devem ser prioridades
Foto: Pullmantur / Divulgação
 

 

Quando se pensa em um cruzeiro marítimo vem sempre à imagem de águas calmas e cristalinas, mas este paraíso pode se transformar em mar revolto na hora de escolher as roupas para levar no passeio.
 
Para não errar na escolha do que vestir é importante saber a programação do navio, as cidades no percurso, se vai ter alguma ocasião especial, jantar com o comandante ou até mesmo uma festa temática. Quanto maior as informações da viagem menor a possibilidade de mico e mais fácil será montar a bagagem.
Como você está indo para um cruzeiro, o principal é focar nas roupas informais, mas com alguns toques de sofisticação nos acessórios, mesmo que o cruzeiro seja no verão. O Terra pediu ajuda ao estilista Xico Gonçalves para ajudar você a levar as roupas certas para o passeio em um cruzeiro. Confirma as dicas:

 

O que levar

Opte por peças fáceis de combinar ou em cores neutras e acessórios coloridos (lenços, colar, cinto ou calçado chamativo). Seu look sempre vai aparentar diferente.

 

Dia

- Roupas leves, confortáveis e práticas de materiais naturais como o algodão. Vestidos (de diversos formatos) de materiais que não amassam. Calça jeans mais sequinha e arrumada para usar de dia e a noite com uma blusa mais sofisticada.

- Dois biquínis ou maiôs (para ter sempre um seco). Muitas saídas de banho, pois na maioria dos navios não é permitido transitar na parte interna só usando roupa de banho.

- Shorts, bermudas, tops decotados, calças de sarja, roupas brancas em tecidos fáceis de lavar.

- Camisetas, camisas masculinas, casacos e jaquetas de malha de algodão ou lã leve e até um blazer mais descolado. Os chapéus são fundamentais, abuse. Eles escondem o cabelo quando a maresia faz efeito nos fios ou quando não der tempo para dar um trato.

- Roupas para prática de esportes, para as academias, pista de cooper, golfe e programações saudáveis.

- Rasteiras, sabrinas, espadrilles, anabelas, tênis, sapatênis, sapatilhas e chinelos de dedo de borracha e de luxo. Vale um salto também para “causar”.

- Acessórios como cinto, colar e maxicolar e pulseiras dão um up imediato no look.

- Óculos de sol são importantes. Se esquecer você poderá comprar esse e outros acessórios nas lojas que têm a bordo.

 

Escala em alguma cidade

Sapatos leves, tênis ou sandálias. Geralmente se anda muito. Roupa básica e leve, nada muito refinado mesmo se for um roteiro em cidades noturnas.

Noite

- Apesar de você olhar as fotos do navio e achar que tudo é muito luxuoso, com o tempo vai se ligar que esse luxo tem hora certa. Para saber mais sobre a programação noturna consulte o agente de viagens sobre as festas programadas, como a festa à fantasia, festa tropical uma noite black tie, por exemplo.

- Nos acontecimentos que exigem black tie, como jantar com o comandante do navio, você pode usar longo ou curto, mas nada muito elaborado. Black tie não é igual a traje a rigor ou de gala. Exige apenas uma imagem sofisticada sem afetação para as mulheres e smoking ou summer para os homens. Sugiro um vestido longo preto ou branco cavado, ou com mangas, para usar com uma pashimina colorida.

- Combine com sapatos de salto alto, joias, carteira pequena, cabelo e maquiagem simples, mas refinada.

 

Homens

- Durante o dia roupa de banho, bermudas, camisetas, chinelo, e para as escalas, roupas do dia a dia (jeans, bermudas, camisas fresquinhas e roupas leves, a não ser que tenha algum passeio luxuoso previsto).

- A maior formalidade para os homens são as noites black tie, com o uso de ternos ou trajes mais sociais como o smoking. 

Terra Terra