PUBLICIDADE

Charme e beleza natural: conheça Trancoso e Arraial d'Ajuda

Distritos de Porto Seguro, Trancoso e Arraial d'Ajuda merecem atenção especial no roteiro de quem visita a cidade baiana

18 jan 2016 12h39
| atualizado às 12h54
ver comentários
Publicidade
Trancoso, um dos cartões postais de Porto Seguro
Trancoso, um dos cartões postais de Porto Seguro
Foto: Danielle Barg / Terra

Se você está em Porto Seguro e pretende explorar as mais belas praias, que vão muito além de Taperapuan, não pode deixar de dar uma "chegada" em Trancoso e Arraial d'Ajuda. Conheça mais dos dois distritos a seguir.

Siga Terra Estilo no Twitter

Trancoso: o charme em forma de quadrado

Sabe aquele lugar que parou no tempo, mas no bom sentido? Trancoso é assim. Há 47 km do centro de Porto Seguro, o local era reduto de hippies nos anos 70, sendo que muitos deles acabaram ficando por lá e se tornando os empresários que hoje "se apropriaram" da região, com suas pousadas, restaurantes e lojas.

O famoso "quadrado de Trancoso" tem este nome por conta do seu formato - embora, estranhamente, ele não seja um quadrado, e sim, um retângulo.

Trata-se de uma área cercada por restaurantes e lojas. É certo que a maioria delas estão mais para os amantes da Oscar Freire (luxuosa rua da capital paulista) do que para quem busca algo de bucólico, mas os restaurantes conseguiram manter um charme despretencioso com o toque marcante da culinária local. A maioria só abre para o jantar, já que boa parte dos turistas não abre mão das praias durante o dia.

A igreja jesuíta delimita o espaço, e as luzes penduradas nas árvores dão toque especial à área a noite.

Um dos mais tradicionais restaurantes da região é o Silvana & Cia. Ele fica exatamente ao lado da casa onde ela nasceu. Com pratos típicos como a moqueca de peixe e de camarão, ou o peixe na folha de bananeira, ela foi dando seu toque aos pratos e, hoje, não fica o tempo todo na cozinha – a pedido das filhas.

No menu, destaque também para o camarão na crosta de tapioca como entrada, e, como prato principal, o camarão na moranga com arroz branco e salada, que serve tranquilamente três pessoas. Para sobremesa, uma boa pedida é a banana assada com canela, gengibre e mel, que acompanha sorvete de creme e castanhas. 

À noite, o famoso "quadrado de Trancoso" fica colorido com as luzinhas penduradas nas árvores, que, por sua vez, cercam dezenas de restaurantes
À noite, o famoso "quadrado de Trancoso" fica colorido com as luzinhas penduradas nas árvores, que, por sua vez, cercam dezenas de restaurantes
Foto: Danielle Barg / Terra

Para chegar em Trancoso
De ônibus:
desembarcando em Porto Seguro-BA o trajeto mais recomendável para chegar em Trancoso é via Arraial d'Ajuda, desde a rodoviária de ônibus circular municipal, moto-táxi ou táxi dirija-se até as Balsas para atravessar o rio Buranhéim. A Balsa funciona o dia interiro com pausas de 30 minutos para cada saída. No outro lado do rio há ônibus de diversas viações e vans que levam os turistas até o Quadrado de Trancoso em 45 minutos.

De carro: vindo do Norte do estado da Bahia; (Salvador, Ilhéus, Itacaré, Itabuna), siga pela BR-101 até Eunápolis (Km 772). Siga à esquerda no trevo pela BR-367 direção Porto Seguro. Vindo do Sul do estado da Bahia pela BR-101 (Km 772), siga à direita no trevo de Eunápolis pela BR-367 direção Porto Seguro. No Km 32, depois de Vera Cruz vai encontrar o entroncamento de acesso, (Arraial d'Ajuda - Trancoso - Praia do Espelho - Caraíva) siga à direita, continue até Vale Verde onde tem Ponto de Informação turística e lanchonete. A partir daí encontra-se mais um trevo (Arraial d'Ajuda a 11 km ou Porto Seguro pela Balsa a 14 km), siga mais 20 km até o trevo de Caraíva e Trancoso onde há um ponto de Moto-Táxi, siga a esquerda 6 km, até chegar em Trancoso.

Arraial d’Ajuda: Broadway, 5ª avenida e muito mais

Assim como Trancoso, Arraial d'Ajuda - que fica há 4 km do centro da cidade - é reduto de quem procura diversão noturna, mas sem o burburinho das barracas de axé. Atualmente, o distrito tem uma das noites mais disputadas da região.

Um passeio pelas areias de Arraial d'Ajuda é uma oportunidade para ficar perto da natureza
Um passeio pelas areias de Arraial d'Ajuda é uma oportunidade para ficar perto da natureza
Foto: Danielle Barg / Terra

O famoso corredor Mucugê, um verdadeiro shopping a céu aberto, o Beco das Cores e as ruas Broadway e 5ª avenida (sim, como as de Nova York), são algumas das opções para quem procura música ao vivo, opções gastronômicas, barzinhos e lojas de artesanato local.

O centrinho da cidade também é um prato cheio para os fãs de artesanato e, atrás da Igreja Nossa Senhora D'Ajuda – construída pelos jesuítas em 1549 – se tem uma vista de tirar o fôlego.

De dia, as praias de Pitinga, Taípe e Parracho são boas pedidas para um mergulho e caminhada na areia grossa e clarinha. A barraca Uíki Parracho é uma das mais badaladas e é onde acontecem os grandes eventos, como reveillón, carnaval e festivais musicais.

A parte gastronômica também é bem servida. O restaurante do Don Fabrizio, um italiano que trouxe a culinária da Sicília para Arraial, é uma das opções mais tradicionais.

No centro de Arraial, é possível visitar a igreja Nossa Senhora D'Ajuda, construída pelos jesuítas em 1549
No centro de Arraial, é possível visitar a igreja Nossa Senhora D'Ajuda, construída pelos jesuítas em 1549
Foto: Danielle Barg / Terra

O chef aposta nos ingredientes locais para incentivar os produtores da região e também para garantir um sabor mais original. Uma das pedidas é o carpaccio de abadejo ou de polvo, e, como sobremesa, a torta de coco (ralado à mão) com sorvete de tapioca.

Para chegar lá, basta pegar a balsa. A travessia dura cerca de cinco minutos.

 

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade