publicidade
18 de julho de 2012 • 14h58 • atualizado às 15h07

Conheça 15 ilhas paradisíacas do Brasil

Na Ilha de Vitória ficam pontos importantes da cidade, como o bairro de Praia do Canto e o Iate Clube
Foto: Rafael Q. Silveira
 

Ilhas fluviais e marinhas fazem parte do patrimônio natural do Brasil. Ilhas paradisíacas como Fernando de Noronha, inóspitas como o Arquipélago de São Pedro e São Paulo, e onde se encontram capitais estaduais como a Ilha de Santa Catarina, fazem parte das ilhas brasileiras. Confira algumas delas e escolha sua predileta.

Veja 70 ilhas paradisíacas do mundo

Ilha do Mel, PR
Situada a 4 km do litoral do Paraná, a Ilha do Mel tem 90% de sua área protegida como Reserva da Biosfera e Patrimônio da Humanidade da UNESCO. A ilha tem praias com águas límpidas ideais para mergulho e trilhas em meio à vegetação da mata atlântica, que a tornam ideal para encontrar a natureza em seu estado puro. De barco, o acesso à ilha é feito desde as cidades de Paranaguá ou Pontal do Paraná.

Fernando de Noronha, PE
Formado por 21 ilhas e ilhotas, o arquipélago de Fernando de Noronha é uma verdadeira maravilha da natureza. Com praias paradisíacas e fauna e flora preservadas, Fernando de Noronha é um lugar fantástico para surfar e mergulhar, em uma natureza protegida pela limitação do turismo e estritas normas ambientais.

Ilha Grande, RJ
Paraíso ecológico do litoral fluminense, próximo a Angra dos Reis, Ilha Grande garante a seus visitantes um encontro único em harmonia com a natureza. Mais de cem praias exuberantes e trilhas com vegetação de mata atlântica recebem os turistas, em uma ilha que é exemplo de desenvolvimento sustentável e onde os carros estão proibidos.

Ilhabela, SP
Ilhabela, no litoral de São Paulo, é um destino que recebe muitos turistas do país inteiro. A  130 km da capital paulista, Ilhabela encontra-se perto do continente e é acessível por balsas que partem de São Sebastião. São mais de 36 km de praias escondidas ou agitadas em uma ilha onde trilhas e natureza contrastam com a agitação da Vila de Ilhabela.

Ilha de Vitória, ES
Principal das 34 ilhas que formam o arquipélago sobre o qual está situada a capital do Espirito Santo, na Ilha de Vitória ficam pontos importantes da cidade, como o bairro de Praia do Canto e o Iate Clube. A Ilha de Vitória está ligada à parte continental da cidade e às outras ilhas por meio de pontes.

Abrolhos, BA
Desde a cidade de Caravelas, no litoral da Bahia, turistas podem partir em barcos para excursões de um dia para o arquipélago de Abrolhos. Formado por cinco ilhas, o arquipélago é protegido dentro do Parque Nacional Marinho dos Abrolhos e recebe a ilustre visita de baleias-jubarte entre os meses de julho e novembro.

Atol das Rocas, RN
Único atol do Atlântico Sul, o Atol das Rocas encontra-se a cerca de 140 km de Natal. Formado por um recife anelar, o atol é ponto de encontro de numerosas espécies marinhas como tartarugas, golfinhos e diferentes aves, e é um ponto incrível para a prática do mergulho. O atual Farol das Rocas e as ruínas do antigo farol são as únicas construções das ilhotas.

Ilha do Bananal, TO
Maior ilha fluvial do planeta, com mais de 20 mil quilômetros quadrados de extensão, a Ilha do Bananal situa-se no sudoeste do estado do Tocantins, na divisa com o Mato Grosso e Goiás. A ilha é formada pelos rios Araguaia e da Morte e é considerada como Reserva da Biosfera da UNESCO pela sua grande diversidade de animais como onças-pintadas, botos e tartarugas-da-amazônia.

Ilha do Marajó, PA
Famosa por sua pororoca - grande onda criada pelo encontro das águas - e pela grande quantidade de búfalos usados para carga e transporte, a Ilha do Marajó fica no encontro entre o Atlântico e os rios Amazonas e Tocantins. Praias, lagos, dunas e florestas fazem parte deste santuário ecológico.

Ilha de Santa Catarina, SC
Com 54 km de extensão e 14 km de largura, no litoral catarinense, a Ilha de Santa Catarina abriga quase inteiramente a cidade de Florianópolis e está conectada ao continente por três pontes. Belas praias como Lagoinha, Ponta das Canas e  Praia Brava, além de duas grandes lagoas e uma rica vegetação, fazem parte das belezas naturais da ilha.

Ilha de Maracá, RR
Grande reserva ecológica de Roraima, a 120 km de Boavista, a Ilha de Maracá tem uma vegetação densa e uma fauna composta por animais como onças-pintadas, antas e ariranhas. A ilha é visitada principalmente por pesquisadores e exploradores. O acesso gratuito, mas é necessário ter autorização prévia do IBAMA.

Ilha de Itaparica, BA
Mais famosas das ilhas da Baía de Todos os Santos, a 280 km de Salvador, a Ilha de Itaparica tem 146 km² e muitas praias para curtir o sol do nordeste. Ponto de Areia, Manguinhos, Porto do Santo e Gameleira são algumas delas, com águas mornas propícias para banhos e esportes náuticos.

Ilha de Boipeba, BA
Águas cristalinas e areias brancas com coqueirais, mata atlântica, dunas e piscinas naturais fazem parte das principais paisagens da ilha de Boipeba, ao sul de Salvador. A ilha faz parte do arquipélago de Tinharé, onde também está o popular destino turístico Morro de São Paulo.

Ilha de Itamaracá, PE
Separada do continente de Pernambuco pelo canal de Santa-Cruz, a 40 km de Recife, a Ilha de Itamaracá oferece aos turistas uma diversidade de praias de águas calmas com coqueiros, piscinas naturais e recifes. O destino paradisíaco é ideal para curtir descansando na praia ou praticando esportes náuticos.

Ilha de Comandatuba, BA
Ao sul do litoral da Bahia, a Ilha de Comandatuba tem 21 km de praias preservadas com vilarejos de pescadores e um importante resort turístico de luxo. O hotel Transamérica Ilha de Comandatuba é um dos mais sofisticados do país e conta até com sua própria pista de aterrissagem.

 

Andrés Bruzzone Comunicação