Homem

publicidade

Carros influenciam no nível de testosterona dos homens

 

A ciência mais uma vez comprova que a sabedoria popular está mais do que correta: a única diferença entre meninos e homens é o preço de seus brinquedos e que macho que é macho dirige um carro bom! Pesquisadores canadenses da Concordia University's John Molson School of Business resolverma fazer um teste bem bacaninha em 39 jovens marmanjos. Primeiro os colocaram para dirigir uma Porsche 911 Carrera Cabriolet de US$ 150.000 em uma rua lotada (onde mulheres podiam vê-los) e depois em uma estrada deserta. A seguir, os mesmo rapazes fizeram os mesmos percursos mas desta vez em um Toyota Camry modelo 1993.

A cada um desses percursos, o nível de testosterona dos voluntários era medido através de amostras da saliva e adivinhe o resultado. Quando guiando um carro esporte, a testosterona vai para as alturas, tendo platéia feminina ou não. Já no caso do carro velho, ela mal se altera. "Carros esportes como a Porsche acabam funcionando como a cauda de um pavão", disse o professor de marketing Gad Saad que conduziu o estudo. "É a necessidade do macho da espécie de mostrar para a fêmea que ele é amelhor opção para o acasalamento sinaliza aos concorrentes algo como você não pode dirigir um carro desses, nem mesmo alugar um", complemente. Entretanto o professor não acredita que o carro vai direcionar a libido de um homem no longo prazo. No máximo, indicar seu status social. De qualquer maneira, como dito no filme dos anos 80, Crazy People, uma Porsche é pequena demais para se transar nela, mas você vai transar assim que sair dela.

Especial para Terra