publicidade

Adesivos em alta definição revolucionam o papel de parede

No projeto das arquitetas Paula Ferraz e Éllen Cavalcante a imagem do Homem-Aranha foi impressa em um adesivo inteiriço, que foi cortado e dividido entre doze quadros de madeira. Informações: (11) 5096-2424
Foto: x
 

Foi-se o tempo em que papel de parede era sinônimo de desenhos simplórios, muitas vezes de gosto duvidoso. Com o desenvolvimento da impressão em alta definição (HD) já é possível transformar fotos, ilustrações e reproduções de obras de arte em revestimento para os mais variados ambientes de um imóvel.

A arquiteta Patricia Fairbanks, de São Paulo, explica que o adesivo em HD “funciona como um papel de parede, mas fica mais realista por ser impresso em alta definição. Além disso, costuma ter uma textura e é resistente a rasgos e arranhões”. Assim, o recurso pode ser utilizado de diferentes maneiras para personalizar a decoração de cada ambiente da casa.

Pode-se colocar grandes fotos nas paredes, nas portas dos armários ou na cabeceira da cama do quarto; usar a imagem do ator favorito na sala de TV; e até aplicar uma foto aérea da cidade ou ponto turístico que traga uma lembrança especial na parede de um cômodo que não tiver vista para uma paisagem de verdade.

Uma das vantagens do adesivo em HD é a facilidade na manutenção, mais simples que a dos demais revestimentos. “É só passar um paninho. Isso, por si só, já o torna mais prático que uma pintura ou papel de parede comum”, defende Patricia.

Outros pontos fortes são a versatilidade e o custo. Como não é um material muito caro, pode ser trocado a qualquer momento, sempre que o cliente enjoar. “Os adesivos dão uma cor sem deixar a mudança muito cara”, afirma a arquiteta Paula Ferraz, também de São Paulo. Além disso, o adesivo é uma solução mais barata que o revestimento tradicional ou que um painel feito por um artista plástico.

PrimaPagina Terra