Mesmo médico de Sofia irá operar Pedrinho em Miami

Família opta pelo brasileiro Rodrigo Vianna para ser o médico responsável pelo transplante de intestino do menino

6 ago 2014
10h28
  • separator
  • comentários

A família do bebê Pedro Libração da Lavra Baragão, de 11 meses, decidiu que o transplante de intestino que o menino precisa será realizado no Jackson Memorial Medical Center, em Miami. O médico responsável pela cirurgia será o brasileiro Rodrigo Vianna, que é diretor de transplantes do hospital nos Estados Unidos, o mesmo que fará o transplante multi viceral em outra bebê brasileira, a pequena Sofia de Lacerda, que já está em Miami e, que, assim como Pedrinho, lançou uma campanha para receber doações pela internet.

A família do Pedrinho escolheu o Jackson Memorial Medical Center, em Miami, para o transplante de intestino
A família do Pedrinho escolheu o Jackson Memorial Medical Center, em Miami, para o transplante de intestino
Foto: Facebook/ajudeopedrinhoacontinuarsorrindo / Reprodução

De acordo com a mãe de Pedrinho, Aline da Lavra, a definição pelo hospital em Miami foi feita com cautela e analisando diversos aspectos. “A nossa maior preocupação sempre foi com o índice de sucesso do transplante. O Jackson Memorial Medical Center tem se tornado referência no transplante de intestino e tem ótimos médicos especializados nesse tipo de intervenção”, diz.

O médico responsável pela cirurgia será o brasileiro Rodrigo Vianna
O médico responsável pela cirurgia será o brasileiro Rodrigo Vianna
Foto: Facebook/ajudeopedrinhoacontinuarsorrindo / Reprodução
A escolha
Aline da Lavra conheceu o médico Rodrigo Vianna em um programa de televisão, quando o especialista se propôs a ajudar a Sofia e se mostrava decidido a salvar a pequena brasileirinha.

“Após pesquisar sobre o especialista e depois de muita conversa com ele, a empatia e a confiança no Dr. Rodrigo Vianna foram crescendo. E decisão por colocar nas mãos dele a vida do meu filho era mais do que certa”, explica Aline.

Em conversas com a mãe de Pedrinho, o médico já deixou claro que a saúde do bebê é delicada, e que a cirurgia precisa ser feita o quanto antes. No entanto, o profissional sinalizou também que as chances de sucesso são muito boas.

A família de Pedrinho segue em campanha para arrecadar o valor para o tratamento, que tem custo superior a US$ 1 milhão (mais de R$ 2,4 milhões)
A família de Pedrinho segue em campanha para arrecadar o valor para o tratamento, que tem custo superior a US$ 1 milhão (mais de R$ 2,4 milhões)
Foto: Facebook/ajudeopedrinhoacontinuarsorrindo / Reprodução
A campanha continua
A família de Pedrinho segue em campanha para arrecadar o valor para o tratamento, que tem custo superior a US$ 1 milhão (mais de R$ 2,4 milhões). “Já alcançamos R$ 2 milhões arrecadados. No entanto, precisamos de mais doações, pois teremos gastos com transporte UTI para os Estados Unidos e outras despesas quando estivermos lá. Será necessário ao menos um ano morando em Miami, com cuidados especiais para o Pedrinho, e a possibilidade de pagamento de caução para o hospital não está descartada”, contabilizou a mãe.

Para doações
Banco do Brasil 
AG: 1191-6
CC: 38339-2 
Em nome de Pedro Libração da Lavra Baragão 
CPF: 484.830.248-02 

Caixa Econômica 
AG: 4130 
Operação: 013 
Conta: 21596-1 
Em nome de Aline Libração da Lavra 
Cpf: 274.134.778-66 

Acessem o site www.amigosdopedrinho.com.br e lá tem a opção de doar com PagSeguro e PayPal.

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade